quinta-feira, 16 de outubro de 2008

fui gente !

Haverá muralha que valha
A esta canalha que malha
A quem calha criar palha
Que doce maralha encalha

Dá dó, apalpar, senti-la
Mole mole de cabeça pouca
Amen à corja, coça a pila
Em porra louca cabeça oca

Como se fosse quem trouxe
Iluminária de juntar água
Deus barato, aconchegou-se
Em caca de vidas sem mágoa

Prá fila, mãos de trabalho
Em dia de frio de agasalho
Na forja sem simples malho
Ninguém mandem para a pila

Porque é feio, não se diz
Talvez por detrás da noite
Porque este dia assim quis
Que quem pense tenha açoite

Mandar-te-ia sim pois então
Dos céus viesse inspiração
Assim escrevesse minha mão
Coisas de querer e pouco não

Na maralha valho
Na canalha malho
Que aqui encalho
Que trabalho ...
Que caralho..
Assim de repente
Bem a quente
Fui gente

12 comentários:

Cati disse...

Vejo que já estás a tratar do livro. :D

Beijo*

Vitor disse...

…Está-me a escapar alguma coisa?

Abraço.

redjan disse...

cati: forget lá isso ...

vitor: assim de repente .. espero que não te escape nada .. ;-)

ze ceitil disse...

Aqui há uns anos, eras tu um chavalo...no fim de uma noite atribulada, mandaste a mulher do presidente do sindicato para o caralho, o que levou o escandalizado Tony Carr a dizer: É pá, JanJan, ao menos...se a tivesses mandado para o pénis! Lembras-te? "Ninguém mandem para a pila"!? O que é isto? Estás armado em pipi?

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
redjan disse...

zé: também tu Brutus ? Logo tu não entendes aquele ' pila ' como um genuíno ' car '... travestido de palavra aceite, de coisa eufemística, assim tipo ' tá bem, assim pode ' ? E que nesse fatinho, é mais perfurante ainda na ideia ... de uma calada gente que para o 'tal ' só manda os mais fraquinhos ? Assim tipo este vizinho do comment acima ? E relembro com gosto o episódio que trouxeste .. ainda há pouco nos rimos com isso .. o que mostra que já naquele longinquo tempo, quando era para o ' aqui referido ' que tinha de mandar alguém ... era para lá que mandava mesmo. Com ou sem espantos de Tony & afins !
Por isto, e apenas por isto .. não vou ao post mudar a coisa.

PS: estou armado em pipi? Em quê? Querias dizer vagina, coisa pudibunda, boceta ou ... c..... mesmo ??? ;-)

anónimo: coisinha boa e pequena ... estás bom ?

Vitor disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
poetaporkedeusker disse...

Não te preocupes com os eufemismos Red. Houve quem me dissesse que isso era o sinónimo de "cesto da gávea"...
Abraço.

Cati disse...

Pois olha que não estava a brincar. No vernáculo também há poesia!

Olha o Bocage!

Isis disse...

Sem duvida... Bocage foi o que me surgiu na mente depois de ler "fui gente!"

Bjs**