quinta-feira, 3 de abril de 2008

homem !

Porque em nada nadas ?
Em ti perdido te afogas ?
Temores a deuses guardas ?
E em mágoas choradas
Aos céus, temendo rogas
Lonjura de vidas pardas

Que são tuas
As tuas
Perdidas
Em luas
Não tuas
Fugidas

Onde em nada nadas
E contudo com tudo
Que em ti vive e morre
Breves as passadas
Em rezas de mudo
De vida que não escorre

De ti sem deus
De deus sem ti
Homem bicho divino
Tristes e seus
Perdidos em si
Homens de fraco destino

12 comentários:

Daniela disse...

O RED em grande!!!!!!

Só passei para deixar um abraço. Tenho perdido parte dos teus posts. Mas depois volto, com o tempo que mereces.
Beijo

Anônimo disse...

Que triste é o teu homem. Preso nas vidas passadas, acreditando já tudo ter vivido. Irremediavelmente só. O teu homem inacabado.

redjan disse...

daniela: volta... quando quiseres .... e serve-te de café...!

anónimo: que bom que é lermos como queremos ! E ... não, não é meu tal homem, não o vejo assim tão vivido, menos só ainda ! E acabado ... muito mais que inacabado. Tipo ... anónimo ! Continua a ler ... continuarei a escrever !!

Vitor disse...

Há homens assim !

...De ti sem deus
De deus sem ti
Homem bicho divino
Tristes e seus
Perdidos em si...

Bonito poema,só mesmo escrito por ti.

Anônimo disse...

fiquei sem sono e resolvi ler o seu novo post.......e como sempre gostei....e gostei tb das suas respostas..........

Cati disse...

Porque em nada nadas ?
Em ti perdido te afogas ?
Temores a deuses guardas ?


Perguntas bem...
Beijinho

The Wolf disse...

"Que são tuas
As tuas
Perdidas
Em luas
Não tuas
Fugidas"

Gosto de luas, mas minhas, embora não minhas...

Abraço

Maria Manuela disse...

...Porque em nada nadas ?
Em ti perdido te afogas ?
Temores a deuses guardas ?
E em mágoas choradas
Aos céus, temendo rogas...

rogas que o mar revolto não te atire para fora de pé e não te deixe prostrado numa rocha....

beijos

Kalar disse...

SECURITY CENTER: See Please Here

LNeves disse...

Fiquei sem entender se este poema era uma crítica aos homens que esperam sentados a "ajuda divina", ou se estás a criticar quem não crê em deus e daí terá fraco destino...

É que se for a segunda, te digo que o meu destino sou eu que o faço... Não Deus, nem o vizinho!!!

***MUAH***

redjan disse...

vitor: e qualquer um poderia escrevê-lo ..


flá: e das respostas também ? ;-)

cati: só falta responder ..

wolf: luas .. podem ser boas sim !

m&m : bem visto ...

neves: era mais ... à volta de quem tanto deus vê ... e de quem tanto dele se esquece, de quem tanto ora e pouco chora, de quem arruma a coisa a jeito seu, de joelhos e mãos ao alto, sem cuidar de ser em vez de prometer ... Não uma critica, mais um constatar ...

LNeves disse...

Se assim é... É um belo constactar... lol Tanta gentinha assim... E não passam mesmo disso; GENTINHA...!!!

***MUAH***