domingo, 11 de novembro de 2007

e eras simples flor ...




Parada estavas
Quieta me chamaste
E me disseste
E me ensinaste
Doce o caminho da vida
Escuro o canto que esconde

E em tua cor vi
A força dos abandonos
Onde morrem sem abrigo
Onde secam pobres putas
Marés de gordas ganancias
De almas que foram gente

E em teu corpo aprendi
A embalar a corrente
E a entender a solidão
De medos que forte esmagam
Sonhos de dias quentes
Desenhos de mão de criança

Olhei-te pois por ali
E teu abraço guardei
Tua imagem minha fiz
E eras simples flor
Com força bruta de ser
Que a vida não deixa morrer

Parei
Olhei
Vivi e morri
Sonhei
Pensei
Este momento para ti

10 comentários:

Cati disse...

Um momento pensado com carinho... obrigada por partilhares esse momento com quem lê, deliciado, estas palavras.

Gostei tanto... nem sei bem o que dizer... sou uma helpless romantic...

Um grande beijinho...

redjan disse...

geeeeeeee Cati ... este momento é de... quem o lê e faz seu !!

Helena disse...

dá-me uns neurónios...daqueles da imaginação, que a tua não acaba nunca! belo

redjan disse...

heli: não precisas .... acredita que não! Escorres em prosa e levas as pessoas ... queres melhor ???

Helena disse...

quero: escrever tão aéreo como tu, ou em distanciada alternativa como o Lobo Antunes :-)

redjan disse...

heli: escreve `heli mesmo .... é um bom passeio pelas palavras ! E nós gostamos !!!

gata disse...

Parei
Olhei
Vivi e morri
Sonhei
Pensei
Este momento para ti
.
.
.
E em silêncio te recebi
abracei e acolhi
em silêncio me ofereci
e te guardei em mim.

E da cor dos teus abandonos
fiz quadros de luz
pintados
com dedos enredados
e corpos nus

e no teu abraço senti
que no silêncio
não estava só
sonhámos sem destino
fizemos crianças
desatámos nós

Do sorriso que guardas
não sei quanto te dei
quanto roubaste de mansinho
quantos te inventei
lembrança viva em mim
de quem ama e não tem.

Pensei,
Sonhei
Este momento para ti
Parei,
Olhei,
vivi e morri
abraçada por ti.

redjan disse...

gata: speechless !!!!

Sofia disse...

bem... já escuso de comentar!!! dassse!

redjan disse...

sof: dasssss é palavrão ? ;-)