quinta-feira, 14 de junho de 2007

lugar nenhum ....

Um dia mais
Sem sentir, sem lugares
Um dia apenas
Sem caminho com gentes
Um dia apenas
Desesperarando por ti

Porque morreste sem te dar
Não entraste no lugar
Apenas trouxeste
Apenas mostraste
Mãos estendidas em suplica
Por um bocado de ti

Não pedia nem olhava
Estava lá, isso sei
Apenas pequeno
Sem nada mais
Com tanto espaço por dentro
De criança suja sem Pai

Soube o teu nome
Quando parti sem querer
Do lugar onde te vive
Quem te arranca de mim
Vida com pouco ou nada
Um pouco apenas de Paz

Vi o sangue em bocados
Vi-te só
Agoniado e agoniada
Assim estivémos os dois
E fiquei sem saber
O que querias de mim

Um comentário:

kitty kat disse...

"Um pouco apenas de paz" Pois é...! espero que valha a pena....